Paderne (Espanha), 21 out (EFE) - Manuel Pérez González é um morador do povo de Paderne de Allariz (Galícia, noroeste da Espanha), transformado em uma celebridade local desde que, no dia 12, encontrou em uma floresta de castanhas de sua propriedade um achado fora do comum: um cogumelo gigante de 40 quilos.

Pérez González disse hoje à Agência Efe que está acostumado a encontrar no local cogumelos comestíveis como Macrolepiota procera e outras espécies, mas que "nunca", em seus 56 anos de vida no povoado, tinha visto um com estas características.

"Uma semana antes, estive na fazenda para ver como estavam as castanhas, e não havia cogumelo, mas no domingo fui recolher os que estavam abertos e as castanhas e encontrei três no solo", explicou.

Pérez González tem um vizinho que é fã de cogumelos e que lhe explicou que entre os maiores achados estão os de 20 quilos, nada comparável com o seu, que pesou 40 na balança da antiga loja do povoado e que mede 0,75 por 0,55 metro.

O cogumelo cresceu durante uma semana ao pé de uma castanheira e ao lado de outros dois da mesma espécie, mas menores.

Após achar o cogumelo, Pérez González o levou à oficina no povoado vizinho de San Cibrao das Viñas, onde, segundo afirmou, "a passagem de moradores e curiosos foi incessante até hoje".

Sua intenção agora é doar o exemplar para qualquer coletivo de admiradores que esteja interessado em mostrá-lo ou estudá-lo.

Embora o cogumelo seja de uma espécie comestível, disse que, com esse tamanho, estará duro, embora seu vizinho, especialista em cogumelos, já tenha dado dicas de como prepará-lo. EFE rv/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.