Homem que jogou sapato no premier chinês é indiciado

O manifestante detido nesta segunda-feira, após jogar um sapato no primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, quando ele discursava na Universidade de Cambridge, no último dia de sua visita à Grã-Bretanha, foi indiciado, informou a polícia à noite (horário GMT).

AFP |

"O homem de 27 anos foi indiciado por alterar a ordem pública e deverá comparecer em 10 de fevereiro diante do juiz do tribunal de Cambridge", anunciou a polícia.

O manifestante, cuja identidade não foi divulgada, levantou-se e jogou um tênis no premier chinês, sem conseguir atingi-lo, enquanto gritava "é um escândalo". Foi rapidamente controlado e expulso da sala.

O sapato caiu a menos de um metro de Jiabao, que falava de um púlpito, em uma sala de concertos da prestigiosa universidade. Testemunhas disseram que o manifestante não era britânico e falava inglês com sotaque.

Nesta terça-feira (horário de Pequim), o governo da China expressou sua profunda insatisfação ao governo britânico, após o ocorrido, mas destacou que os laços bilaterais não serão afetados.

rjm-ar/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG