Homem morre após tiroteio perto de escola primária nos EUA

Washington, 11 ago (EFE).- Um homem de 65 anos foi atingido hoje durante uma troca de tiros perto de uma escola primária na localidade de Lula, no norte do estado americano da Geórgia.

EFE |

O centro de ensino próximo ao local em que houve o tiroteio foi fechado assim que uma pessoa que passava pelas redondezas avisou a um policial que um homem com uma pistola caminhava pelas ruas adjacentes.

Um porta-voz da Polícia disse que o agente em questão, que não estava de serviço, tentou intervir, e que o homem armado, identificado posteriormente como Herbert Tate, atirou contra o policial, ferindo-o.

Após o disparo, o homem se entrincheirou no trailer em que vivia.

Por causa da resistência do atirador, o corpo de operações especiais foi chamado.

Segundo o porta-voz, houve um outro tiroteio, no qual Tate ficou ferido.

Levado para o Centro Médico da Geórgia do Norte, o homem não resistiu aos ferimentos e morreu.

Já o agente ferido foi atendido no hospital Grady Memorial de Atlanta, e sua vida não corre perigo.

Para as autoridades, o homem que morreu não tinha a intenção de atacar a escola, onde estudam 550 crianças. EFE elv/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG