Homem mata policial e tenta incendiar um prédio do governo na China

Pequim, 11 nov (EFE).- Um cidadão chinês que tinha sido citado pela Polícia com relação a uma infração de trânsito tentou incendiar um prédio do Governo e matou um agente, ferindo três guardas de segurança, ao dirigir um veículo contra eles em sua fuga.

EFE |

Segundo informou hoje a agência oficial de notícias chinesa, "Xinhua", que citou fontes policiais, os fatos ocorreram na segunda-feira na localidade de Qianan, na província de Hebei (norte).

Um homem de sobrenome Zhang, que tinha sido perseguida pela Polícia após quebrar a barreira de um pedágio com seu automóvel para evitar o seu pagamento na quinta-feira passada, dirigiu seu veículo, carregado de gasolina e bujões de gás, contra o prédio do Governo da Prefeitura de Malanzhuang.

O homem colocou fogo no automóvel, mas os bombeiros conseguiram apagá-lo com rapidez.

Em sua fuga, o homem roubou outro veículo e ao deparar-se com um controle policial para impedir sua passagem, investiu o automóvel contra os agentes, ferindo os três guardas de segurança e matando um deles. EFE ub/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG