Homem mais velho do mundo faz 113 anos no Japão

TÓQUIO (Reuters) - O homem mais velho do mundo comemorou seu 113o aniversário nesta quinta-feira, contando a jornalistas em sua casa no sul do Japão sobre sua vida alegre e sobre seu apetite saudável. Estou feliz, disse Tomoji Tanabe, que foi premiado pelo prefeito local com flores e com uma xícara gigante com seu nome e data de nascimento. Estou bem. Eu como muito, acrescentou.

Reuters |

Tanabe, reconhecido pelo Guinness Book, o livro dos recordes, como o homems mais velho do mundo no ano passado, come principalmente vegetais e acredita que a chave da longevidade é não beber álcool.

O ex-funcionário público mora com seu filho, bebe leite todos os dias e não possui grandes doenças, embora escreva em seu diário apenas uma ou duas vezes por mês. Ele antes escrevia diariamente.

'Sua comida favorita é camarão frito, mas ouvimos dizer que ele cortou os alimentos gordurosos', disse uma autoridade na cidade de Miyakonojo, cerca de 900 quilômetros a sudoeste de Tóquio.

'Ele disse que ainda quer viver mais 10 anos, que não quer morrer'. Os japoneses estão entre as pessoas de maior longevidade, e o número de pessoas com 100 anos ou mais está no patamar recorde de 36.276, informou um relatório do governo na semana passada.

As mulheres japonesas lideram o ranking mundial de longevidade há 23 anos, enquanto os homens do país estão em terceiro, atrás de Islândia e Hong Kong.

(Reportagem de Chisa Fujioka)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG