Homem é resgatado com vida 11 dias após tremor no Haiti

PORTO PRÍNCIPE (Reuters) - Equipes de resgate internacional retiraram com vida dos escombros no sábado um homem de 24 anos que estava sob os escombros de um hotel que ruiu em Porto Príncipe, 11 dias depois do trágico terremoto ter arrasado a capital do Haiti. Ele é o último das mais de 130 pessoas que foram retiradas com vida dos escombros de edificações destruídas pelo terremoto de magnitude 7 que abalou o país no dia 12 de janeiro.

Reuters |

Após uma operação de resgate que durou de 4 horas, o haitiano foi cuidadosamente retirado do meios dos escombros do Hotel Napoli Inn, localizado na Rue du Centre, região central da capital.

Segundo a equipe de resgate, o homem parecia mover seus membros, mas estava sedento.

Para chegar até a vítima, dois integrantes das equipes francesa e grega rastejaram em meio à pilha de concreto e vigas que restou do hotel da Rue du Centre. Em vários momentos tiveram que serrar os restos do edifício para tentar ajudar o homem a sair.

"Ele estava segurando a luz para nos ajudar a enxergá-lo. Ele disse 'obrigada' quando o retiramos", afirmou à Reuters Carmen Michalska, uma das integrantes da equipe grega.

As pessoas que aguardavam no local e jornalistas aplaudiram quando o homem foi retirado e transportado em uma ambulância.

"Nós temos uma indicação de que há mais pessoas lá. Nós vamos voltar", afirmou Michalska.

Equipes francesa, grega e dos EUA localizaram um homem mais cedo, que foi ouvido falando e batendo debaixo dos escombros.

(Reportagem de Patrick Markey)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG