Homem é executado no Alabama por estuprar e matar enteada de 12 anos

Danny Joe Bradley, de 49 anos, foi executado, nesta quinta-feira à noite, com uma injeção letal no Alabama (sul dos EUA), pelo assassinato de sua enteada, de 12, em 1983, anunciou a imprensa local nesta sexta.

AFP |

Bradley foi condenado à morte por estuprar e estrangular, em janeiro de 1983, Rhonda Hardin, de quem estava cuidando, junto com o irmão caçula, porque a mãe estava internada.

Essa foi a segunda execução no Alabama, em um mês, após a morte de James Callahan, em 15 de janeiro, e a 40ª desde o restabelecimento da pena capital nesse estado, em 1976.

lum/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG