Moscou, 24 out (EFE) - Os serviços secretos russos detiveram hoje um passageiro com problemas mentais supostamente bêbado que tentou seqüestrar um avião de passageiros que voava de uma localidade próxima ao Mar Negro com destino a Moscou, segundo informaram fontes oficiais. Já foi identificado. Trata-se de uma pessoa com antecedentes penais e problemas mentais, informou um porta-voz do Serviço Federal de Segurança (FSB, ex-KGB) no aeroporto de Vnukovo, em Moscou, após o avião pousar e o suposto seqüestrador ser detido.

O passageiro foi contido no avião depois de ameaçar tomar o controle do vôo e exigir que o Boeing-737 da companhia SkyExpress, que voava de Adler a Moscou com 132 passageiros e seis tripulantes, fosse desviado a Viena. EFE si/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.