AMÃ (Reuters) - Um homem armado não identificado atirou e feriu pelo menos seis músicos nesta quarta-feira, depois de um concerto em Amã, cometendo suicídio logo em seguida, disseram autoridades de segurança. O incidente aconteceu depois de uma exibição da Orquestra Sinfônica de Amã com um coral libanês no anfiteatro romano, na congestionada área central da capital.

O homem deu um tiro na própria cabeça depois de ser perseguido, disse uma testemunha.

Os ferimentos sofridos pelos músicos foram moderados, embora um deles tenha ficado seriamente ferido, disse uma autoridade à Reuters.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.