Hollywood estuda deixar de vender DVDs na Espanha por causa da pirataria

Los Angeles, 31 mar (EFE).- Os estúdios de Hollywood consideram dar fim à venda de DVDs na Espanha devido à intensa pirataria de filmes no país, informou hoje o jornal Los Angeles Times em seu site.

EFE |

O grande número de downloads de filmes na Espanha pôs em questão a rentabilidade do mercado do DVD.

"As pessoas estão baixando filmes em tanta quantidade que a Espanha está a ponto de deixar de ser um mercado viável de entretenimento doméstico para nós", disse o presidente de Sony Pictures, Michael Lynton.

A situação da Espanha pode chegar a se equiparar à da Coreia do Sul, onde em 2008 o último dos grandes estúdios encerrou suas operações por culpa da pirataria.

De 2006 a 2008, os downloads ilegais de filmes passaram de 132 milhões para 350 milhões na Espanha, segundo dados da companhia de estudos de mercado Media-Control GfK, ao passo que a venda e aluguel de DVDs caiu 30%.

Segundo o jornal "Los Angeles Times", alguns "estúdios veem a Espanha como um mercado perdido". EFE fmx/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG