Holandesa é presa sob acusação de matar três de seus bebês

Caso surge sete dias depois de francesa confessar que matou seus oito recém-nascidos

iG São Paulo |

Uma holandesa de 25 anos foi presa por supostamente matar pelo menos três de seus bebês nos últimos oito anos, escondendo seus cadáveres no sótão, informou a polícia nesta sexta-feira.

"Uma mulher de 25 anos de Nij Beets (no nordeste da Província de Friesland) foi presa na quarta-feira, suspeita de ter assassinado ao menos três bebês", disse a promotora Annete Bronsvoort. A polícia encontrou na quinta-feira maletas no sótão da casa da jovem, onde ela morava com os pais.

Investigações forenses iniciais sugerem que "três das malas continham restos mortais dos bebês", disse Bronsvoort.

Infanticídio na França

O caso surge sete dias depois de uma francesa ter confessado que sufocou oito de seus filhos recém-nascidos e ocultou seus corpos em Villers-au-Tertre, no norte da França. Ela foi acusada de "homicídio voluntário de menores de 15 anos" e seu marido por "não denúncia de crime e encobrimento de cadáveres", informou a Promotoria de Douai, na França.

Segundo a imprensa local, Dominique Cottrez reconheceu ter asfixiado seus filhos, mas assegura que seu marido, Pierre-Marie Cottrez, não estava ciente dos fatos, que se suspeita que tenham ocorrido depois do nascimento das duas filhas do casal, entre 1989 e 2000.

*Com Reutes, BBC e AFP

    Leia tudo sobre: françaholandainfanticídio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG