Nações Unidas, 7 jul (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, nomeou hoje o político holandês Ad Melkert, um funcionário do alto escalão dentro do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), como o novo enviado especial da organização para o Iraque.

Melkert, de 53 anos, substituirá no cargo o sueco Staffan de Mistura, que ocupará um alto cargo no Programa Mundial de Alimentos (PMA), após quase dois anos em Bagdá.

O político holandês assumirá o novo posto na capital iraquiana aliando a "ampla experiência política" que tem com seu "conhecimento sobre desenvolvimento e economia", destacou Michèle Montas, porta-voz de Ban.

"Ele assume esta responsabilidade com uma profunda compreensão da natureza do desafio e das prioridades que o Iraque enfrenta neste momento de transição", acrescentou.

Como novo enviado especial, Melkert dará continuidade ao trabalho iniciado por De Mistura de reforçar as atividades da ONU no Iraque, auxiliar no fortalecimento do novo Estado democrático iraquiano e melhorar as relações do país com as nações vizinhas.

Melkert foi ministro de Assuntos Sociais e Emprego no Governo de Wim Kok, primeiro-ministro da Holanda nos anos 90, e sucedeu este como líder dos trabalhistas holandeses em 2001.

Um ano mais tarde, após os decepcionantes resultados da legenda nas eleições, abandonou a política e entrou para o conselho de administração do Banco Mundial (BM).

Em 2006, foi nomeado administrador adjunto do Pnud, cargo que ocupava até hoje. EFE jju/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.