Hillary diz que paz no O.Médio não pode sofrer mais atrasos

Ramala, 4 mar (EFE).- A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, disse hoje que a paz no Oriente Médio não pode sofrer mais atrasos e prometeu um enérgico compromisso pessoal e da Administração de Barack Obama para firmar um acordo de paz entre israelenses e palestinos.

EFE |

Hillary fez estas afirmações em Ramala, na Cisjordânia -última etapa de sua viagem ao Oriente Médio-, durante entrevista coletiva conjunta com o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, com quem havia se reunido anteriormente.

"Somos conscientes do que está em jogo e do que é importante", que é oferecer uma "esperança" aos palestinos de que algum dia contem com um Estado "livre, independente e próspero".

Por sua vez, Abbas manifestou seu desejo que o próximo Governo israelense -em processo de formação pelo líder do Likud, Benjamin Netanyahu- continue a negociação com os palestinos e encerre a expansão dos assentamentos judaicos em Jerusalém Oriental e Cisjordânia.

Além disso, pediu ao Irã que "deixe de interferir" nos assuntos internos palestinos porque, desde que começou a fazê-lo, apenas "só aumentou a divisão" entre Fatah, o movimento que ele lidera, e Hamas, apoiado por Teerã. EFE fn/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG