inabalável , mas quer compromisso com processo de paz - Mundo - iG" /

Hillary diz que laço com Israel é inabalável , mas quer compromisso com processo de paz

A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, disse nesta terça-feira que os Estados Unidos e Israel têm um laço próximo e inabalável, em uma tentativa de apaziguar o conflito diplomático que abalou as relações entre Washington e seu aliado mais próximo no Oriente Médio. Porém, afirmou que os EUA querem compromisso total pelos esforços de paz.

iG São Paulo |


"Temos comprometimento absoluto com a segurança de Israel, temos um laço próximo e inabalável", disse Hillary em coletiva de imprensa. "Agora nosso objetivo é garantir que temos total comprometimento com esse esforço (pela paz), tanto dos israelenses quanto dos palestinos."

Os comentários da secretária marcaram uma mudança na postura dos EUA, dias depois de Hillary ter criticado o anúncio feito por Israel na semana passada de que iria aprovar a construção de novas casas num assentamento Jerusalém Oriental, medida que enfureceu os palestinos e interrompeu as esperanças de diálogos de paz no Oriente Médio.

A secretária de Estado, que considerou a decisão de Israel um "insulto", afastou nesta terça-feira sugestões de que a relação entre os EUA e Israel estivesse na pior crise em décadas.

"Compartilhamos valores comuns e um compromisso por um futuro democrático para o mundo, e ambos estamos comprometidos com uma solução de dois Estados" para Israel e os palestinos, disse ela. "Mas isso não significa que iremos concordar. Nós não concordamos em tudo com nenhum de nossos parceiros internacionais."

Hillary não soube informar quando ocorrerá a visita do enviado da Casa Branca ao Oriente Médio, George Mitchell, prevista para esta terça-feira mas adiada por causa da crise .

"Acho que veremos o que nos aguarda nos próximos dias e esperamos ansiosos pelo retorno do senador Mitchell à região para dar início aos diálogos de aproximação," disse Hillary.

Com Reuters

Leia também:


Leia mais sobre Oriente Médio

    Leia tudo sobre: israeloriente médio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG