Hillary debate com chanceleres política dos EUA em Paquistão e Afeganistão

Washington - A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, se reunirá esta semana com os ministros de Exteriores do Paquistão, Shah Mehmood Qureshi, e do Afeganistão, Rangin Dadfar Spanta, como parte da revisão da política dos Estados Unidos em direção à região.

EFE |

A chefe da diplomacia americana se reunirá na terça-feira com seu colega paquistanês e, na quinta-feira, com o chanceler afegão.

Já na quarta-feira eles manterão um encontro de trabalho e um jantar, informou o porta-voz do Departamento de Estado, Robert Wood.

A reunião faz parte do processo de revisão da política dos Estados Unidos em direção à região, e, particularmente, da futura estratégia do país no Afeganistão, aonde serão enviados até 17 mil soldados adicionais nos próximos meses perante a deterioração da situação na nação.

A revisão sobre o Afeganistão é liderada pelo representante especial dos Estados Unidos para a região, Richard Holbrooke, e deve estar completada antes da cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) que será realizada no início de abril em Estrasburgo (França) e Kehl (Alemanha).

O encontro entre Hillary, Qureshi e Spanta "se produz em conexão com nossa revisão e obviamente queremos escutar o que várias vozes pensam sobre a situação no Afeganistão e Paquistão", indicou Wood.

A secretária de Estado quer "escutar seus pontos de vista e certamente compartilhar os nossos sobre o que achamos que está acontecendo no terreno", explicou o porta-voz.

Neste contexto, Hillary considera que "é uma oportunidade importante para nos sentarmos e conversarmos sobre estes temas tão sérios, porque (...) preocupa muito, da mesma forma que a outros altos funcionários, a situação na região", acrescentou Wood.

    Leia tudo sobre: afeganistãohillary clintonoriente médiopaquistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG