Hillary consegue obter votação simbólica em convenção democrata

Washington, 14 ago (EFE) - A senadora democrata Hillary Clinton conseguiu que sua candidatura fosse votada simbolicamente na convenção do Partido Democrata de 25 de agosto em Denver (Colorado), após um acordo com o aspirante presidencial Barack Obama, que busca a unidade da legenda.

EFE |

Os democratas nomearam oficialmente Obama durante esse evento, mas haverá também um voto simbólico sobre a candidatura de Hillary, que perdeu as primárias para o senador por Illinois.

"Estou convencido de que honrar a campanha histórica da senadora desta forma nos ajudará a celebrar este momento decisivo em nossa história e alcançará uma forte unidade do partido", apontou Obama em comunicado.

"Ao permitir que cada voz seja ouvida e, com o Partido firmemente unido, elegeremos o senador Obama presidente dos Estados Unidos e colocaremos novamente nosso país na trilha da paz e prosperidade", acrescentou Hillary no comunicado.

Cerca de 35 milhões de pessoas participaram das primárias democratas e Obama e Clinton dizem querer "honrar e celebrar essas vozes e votos".

Após ser derrotada nas primárias, a senadora por Nova York deu seu apoio a Obama, mas, desde então, lutou para que se reconhecesse na convenção a importância dos milhões de votos que obteve durante esse processo eleitoral.

Hillary deve discursar na segunda noite da convenção, 26 de agosto, dois dias antes de Obama se pronunciar sobre se aceita ou não a candidatura democrata. EFE tb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG