Hillary começa no domingo giro por O.Médio e Europa

Washington, 26 fev (EFE).- A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, fará um giro entre os dias 1 e 7 de março pelo Oriente Médio e a Europa, com passagens por Egito, Israel, os territórios palestinos, Bélgica, Suíça e Turquia.

EFE |

O Departamento de Estado informou hoje oficialmente a viagem de Hillary, cuja estadia no Oriente Médio, a primeira como chefe da diplomacia americana, já tinha sido antecipada no começo da semana por fontes oficiais palestinas e israelenses.

A secretária de Estado participará, no dia 2 de março, na localidade litorânea egípcia de Sharm el-Sheikh, da conferência internacional de doadores para a reconstrução de Gaza.

Hillary viajará acompanhada do enviado especial dos EUA ao Oriente Médio, George Mitchell, que iniciou na última segunda-feira sua segunda viagem à região, e outros altos funcionários do Governo.

Nessa conferência, os EUA devem fornecer US$ 900 milhões a projetos de reconstrução da Faixa de Gaza, segundo a imprensa americana, mas o Departamento de Estado não quis confirmar o valor doado até o momento.

Depois da conferência, Hillary viajará a Israel e aos territórios palestinos, onde se reunirá com autoridades locais.

A viagem da titular do Departamento de Estado ao Oriente Médio acontece no momento em que o líder do partido conservador israelense Likud, Benjamin Netanyahu, trabalha para formar o novo Governo do Estado judeu.

A estadia de Hillary na região será curta, já que no dia 5 ela já estará em Bruxelas para participar de uma reunião informal de ministros de Assuntos Exteriores da Otan, com os quais vai preparar a Cúpula de Chefes de Estado e do Governo da Aliança de 3 e 4 de abril em Estrasburgo (França) e Kehl (Alemanha).

A secretária de Estado americana também vai assistir a um encontro de ministros de Exteriores de todos os países da Otan e da União Europeia (UE) e da Suíça para fortalecer mais as relações transatlânticas.

De Bruxelas, a ex-primeira-dama viajará a Genebra, onde vai se encontrar com o ministro de Exteriores da Rússia, Serguei Lavrov.

Hillary e Lavrov vão conversar sobre temas de interesse comum, como as negociações para substituir o Tratado de Redução de Armas Estratégicas (Start, na sigla em inglês), que termina em dezembro, e a possibilidade de aumentar a cooperação no Afeganistão.

Durante sua estadia em Ancara, Hillary se reunirá com autoridades turcas, explicou o Departamento de Estado. EFE cae/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG