Hillary Clinton busca doações para assegurar presença dos EUA na Expo 2010

Pequim, 7 jun (EFE).- A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, está buscando doações que garantam a presença de seu país na Exposição Universal de Xangai 2010, já que este ainda não assinou sua participação por falta de fundos, informa hoje o jornal South China Morning Post.

EFE |

A secretária de Estado realiza ligações pessoalmente para reunir os US$ 60 milhões que custa o pavilhão americano, cujas obras não podem começar mais tarde do que o dia 30 de junho.

Essa é a data limite para o início da construção de todos os pavilhões não-permanentes no recinto da Expo, com o objetivo de assegurar que estejam finalizados a tempo para o começo do evento, em 1º de maio do 2010.

Até o momento, os EUA só conseguiram US$ 6 milhões para a participação na Expo de Xangai, a que os organizadores esperam seja a maior e mais cara nos 158 anos de história.

A Expo de Xangai já conta com a participação de 190 países e 38 organizações internacionais que confirmaram sua presença no evento, que espera atrair 70 milhões de visitantes, cinco milhões deles estrangeiros. EFE rat/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG