Hillary afirma que chegou o momento de realismo com a Rússia

A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, afirmou nesta quinta-feira em Bruxelas que chegou o momento de realismo e que é preciso avançar com a Rússia, ao aprovar a retomada das relações formais entre a Otan e Moscou.

AFP |

"Mesmo que alguns entendam o conselho Otan-Rússia como uma recompensa ou uma concessão a Rússia, deveria ser considerado um mecanismo de diálogo sobre os temas de divergência e uma plataforma de cooperação que nos interessa", declarou Hillary em seu primeiro discurso para os colegas da Aliança Atlântica reunidos em Bruxelas.

"É hora de avançar. Não se deve ficar imóvel com a ilusão de que as coisas vão mudar por si só", acrescentou.

"Chegou o momento do realismo, assim como da esperança", concluiu Hillary, que deve se encontrar em Genebra na sexta-feira com o chanceler russo Serguei Lavrov.

Os chanceleres da Otan podem decidir nesta quinta-feira o restabelecimento dos contatos formais com a Rússia, suspensos desde a guerra russo-georgiana de agosto.

sl-mar/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG