Hillary acrescenta Argentina em viagem pela América Latina

SAN JUAN, Porto Rico (Reuters) - A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, vai acrescentar uma parada na Argentina em sua viagem pela América Latina, informaram no domingo autoridades norte-americanas. Hillary viajará do Uruguai, onde participa na segunda-feira da cerimônia de posse do presidente eleito José Mujica, para Buenos Aires com o objetivo de reunir-se com a presidente Cristina Fernández Kirchner.

Reuters |

Na terça-feira, a secretária deve viajar ao Chile, atingido por um terremoto de magnitude 8,8 que pode ter deixado mais de 700 mortos. No Chile, Hillary se reunirá com a presidente, Michelle Bachelet, e o presidente eleito, Sebastian Piñera, por algumas horas antes de viajar ao Brasil.

A ausência da Argentina em seu programa original recalcava o que alguns analistas consideram de laços frio entre EUA e Argentina.

Segundo autoridades dos EUA, a escala na Argentina foi acrescentada uma vez que Hillary reduziu sua programação no Chile, onde o governo e a população enfrentam as consequências do terremoto devastador de sábado.

Em um primeiro momento, Hillary se encontraria com Cristina no Uruguai e seguiria na segunda mesmo para o Chile.

(Reportagem de Andrew Quinn)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG