Herpes genital atinge mais de 500 milhões no mundo, diz OMS

Genebra, 1 out (EFE).- Cerca de 536 milhões de pessoas entre 15 e 49 anos estão infectadas com o vírus do herpes genital, que é contraído pelo contato sexual, assinalou um estudo publicado hoje pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

EFE |

Segundo o estudo, a cada ano, 20 milhões de novas pessoas são infectadas por este vírus que se contrai de maneira permanente para toda a vida.

Este primeiro estudo global sobre a incidência de herpes genital entre as pessoas estima que 16% da população mundial entre 15 e 49 anos está infectada. A pesquisa aponta também que a doença afeta mais as mulheres.

O vírus do herpes do tipo 2, causador desta doença, costuma se manifestar com dolorosas ulcerações na região genital, mas na maioria das pessoas os sintomas são pouco visíveis e os afetados nem sequer percebem. Por isso, é fácil que contagiem outras pessoas.

"As conseqüências mais graves do vírus chegam ao ponto de que é mais fácil contrair, e depois transmitir, a aids", assinala o médico George Schmid, do departamento sobre o vírus HIV da OMS.

Segundo ele, o herpes genital "pode ser transmitido pelas mães afetadas a seus filhos durante o parto, o que pode causar danos cerebrais ao bebê". EFE vh/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG