amp;M prevê criar entre 6.000 a 7.000 empregos em 2009 - Mundo - iG" /

H amp;M prevê criar entre 6.000 a 7.000 empregos em 2009

O gigante sueco do vestuário Hennes et Mauritz (H&M), que registrou lucros em forte alta no exercício 2007/2008 apesar da recessão mundial, encara o futuro com otimismo e prevê criar entre 6.000 a 7.000 empregos em 2009.

AFP |

"As perspectivas de expansão e as oportunidades de desenvolvimento permanecem positivas (...) e a empresa vai empregar novas pessoas em 2009", diz um comunicado divulgado nesta quinta-feira.

A rede sueca, que surfa na onda da moda a baixo preço, registrou um lucro líquido anual (exercício encerrado em novembro) em alta de 12,5% a 15,29 bilhões de coroas suecas (1,44 bilhão de euros).

Só no último trimestre (setembro-novembro), o lucro líquido teve alta de 9,4%, ou 5,08 bilhões de coroas (479,6 milhões de euros) e a cifra de negócios subiu 15,3%.

O grupo, que teve o crescimento mais lento no terceiro trimestre sob o efeito da crise internacional, conseguiu finalmente encontrar uma saída, praticando uma política de preços baixos.

Ao lado disso, deu prosseguimento à estratégia agressiva de abrir lojas em vários lugares do mundo.

No final do exercício, foram abertas 214 novas casas contra 193 no ano anterior, tendo sido fechadas 18 (contra 16).

Para esse ano, o grupo prevê a abertura de 225 novos estabelecimentos, a maior parte nos Estados Unidos, além de França, Itália, Espanha, Reino Unido e Alemanha.

Há, inclusive, a intenção de abrir uma primeira loja em Pequim, na primavera.

Leia mais sobre emprego

    Leia tudo sobre: emprego

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG