Hamas prende dezenas de pessoas depois de atentado

O Hamas prendeu dezenas de partidários da facção rival Fatah na Faixa de Gaza, depois de um atentado com carro-bomba que causou a morte de seis pessoas na sexta-feira à noite. Este foi um dos atentados mais violentos na disputa entre as facções na faixa de Gaza, nos últimos meses.

BBC Brasil |

O carro-bomba explodiu perto de uma praia lotada na Cidade de Gaza.

O alvo era um grupo de membros do Hamas. Cinco deles foram mortos, bem como uma menina de seis anos de idade. Várias pessoas ficaram feridas.

Desde o atentado, o Hamas ergueu barreiras e deu buscas em dezenas de casas, além de prender os manifestantes do Fatah, que nega envolvimento na explosão.

Atentados como este eram comuns em 2006 e 2007, quando centenas de pessoas foram mortas na dipsuta pelo poder entre as duas facções na Faixa de Gaza, até que o Hamas assumiu o controle violenta e decisivamente em Junho do ano passado.

A mão de ferro da facção na região diminuiu o número de ataques contra o Hamas, mas as tensões permanecem altas.

O Hamas afirma que vai punir os responsáveis pelo último atentado de modo a impedir que outros venham a cometer novos ataques.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG