Em gesto de boa vontade, Israel decide libertar 150 presos palestinos " / Em gesto de boa vontade, Israel decide libertar 150 presos palestinos " /

Hamas liberta 150 membros do Fatah

O Hamas libertou, nesta quinta-feira, 150 prisioneiros membros do Fatah, entre eles um importante dirigente, que havia sido preso na Faixa de Gaza depois de um mortífero atentado a bomba cometido em julho, anunciou um representante do movimento radical islâmico, que controla este território desde junho de 2007. http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2008/08/06/em_gesto_de_boa_vontade_israel_decide_libertar_150_presos_palestinos_1500513.htmlEm gesto de boa vontade, Israel decide libertar 150 presos palestinos

AFP |

"Os serviços de segurança do Hamas libertaram cerca de 150 prisioneiros detidos nos últimos dias", afirmou em comunicado o porta-voz do ministério do Interior na Faixa de Gaza, Ihab al-Hussein.

Abdallah Abu Samhadana, um importante dirigente do Fatah, do presidente palestino Mahmud Abbas, está entre os prisioneiros libertados.

Segundo um chefe do Fatah, que não quis ser identificado, cerca de 150 membros deste partido continuam presos desde a explosão de uma bomba em Gaza, em 25 de julho, que matou cinco membros do braço armado do Hamas e uma menina.

O Hamas acusou o Fatah de estar por trás do ataque, o que o movimento desmentiu.

Leia mais sobre: Hamas - Fatah

    Leia tudo sobre: fatahhamas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG