O chefe de governo do Hamas na Faixa de Gaza, Ismail Haniyeh, afirmou que os ataques israelenses, que já deixaram mais de 200 mortos neste sábado, não vão dobrar seu movimento, mesmo que se destrua o território.

az-ezz/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.