Hamas denuncia que forças de Abbas prenderam 100 pessoas na Cisjordânia

Gaza, 24 jun (EFE).- O movimento islâmico Hamas denunciou hoje que forças de segurança leais ao presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, detiveram 100 membros do grupo islamita na Cisjordânia nos últimos dois dias.

EFE |

Hamas, grupo que controla a Faixa de Gaza há dois anos, divulgou um comunicado no qual aparecem os nomes de pelo menos 40 de seus partidários detidos por forças da ANP em diferentes pontos da Cisjordânia entre ontem e hoje.

Segundo o movimento islamita, grande parte dos detidos foram recolhidos em suas próprias casas.

As acusações do Hamas vêm a público dois dias depois de Abbas ter instruído os chefes de seus organismos de segurança a libertar presos políticos do grupo islamita, cuja soltura não representaria risco para a segurança da Cisjordânia. EFE sar-db/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG