Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Hamas aceita cessar-fogo de 24 horas a pedido do Egito

O Hamas e os outros grupos armados palestinos de Gaza aceitaram nesta segunda-feira interromper seus disparos de foguetes e morteiros contra Israel durante 24 horas a pedido dos mediadores egípcios, anunciou um dirigente do Hamas.

AFP |

O Hamas e os demais grupos aceitara uma trégua de 24 horas depois de uma mediação egípcia em troca da entrega de ajuda a partir do Egito, informou Ayman Taha.

Pouco antes, o mesmo Taha havia dito que o Hamas, que controla a Faixa de Gaza, ameaçou retomar os atentados suicidas em Israel se o Estado hebreu lançar operações de larga escala neste território palestino.

"Está em nosso direito como um povo sob ocupação nos defendermos da ocupação por todos os meios possíveis, incluindo ataques suicidas", afirmou Ayman Taha, líder do Hamas.

A declaração foi feita poucos dias depois do fim de uma trégua de seis meses entre Israel e o Hamas, o que aumentou a possibilidade de uma intervenção militar israelense em larga escala no território palestino.

sa-mel/fp/cn

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG