O furacão Gustav perdeu força nesta quarta-feira no Haiti, onde deixou cinco mortos, e segue em direção ao sudeste de Cuba e Jamaica já rebaixado a tempestade tropical.

Na República Dominicana, oito pessoas morreram na madrugada passada em um bairro de Santo Domingo em um deslizamento de terra provocado pelo Gustav.

As vítimas eram todas da mesma família e estavam em um refúgio desde a passagem da tempestade Fay, há duas semanas, mas decidiram retornar para casa por considerar que o perigo havia passado.

O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC) advertiu que o Gustav pode voltar a ganhar força na quinta-feira, ao sair do território haitiano. Segundo o último relatório do NHC, o Gustav estava 125 Km ao oeste de Porto Príncipe.

O Gustav passou pelo extremo oeste do Hauti, que há pouco mais de uma semana já havia sido afetado pela tempestade tropical Fay.

O furacão perdeu força e agora tem ventos de 95 km por hora.

As previsões nos próximos dias é que o Gustav pode atingir Cuba e Jamaica com fortes ventos e chuva.

Este é o terceiro furacão da temporada 2008 no Atlântico Norte, que vai de 1º de junho a 30 de novembro.

O furacão Fay atingiu o Caribe há pouco mais de uma semana e deixou 47 mortos ou desaparecidos no Haiti e 11 nos Estados Unidos.

bur-lt-ml/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.