Guitarrista do Queen vira chanceler de universidade

O guitarrista do Queen, Brian May, foi nomeado chanceler da Universidade John Moores, em Liverpool. May, de 60 anos, substituirá Cherie Blair, mulher do ex-primeiro-ministro britânico, Tony Blair.

BBC Brasil |

No cargo de chanceler, May presidirá cerimônias de graduação e representará a universidade em ocasiões especiais.

"É como uma homenagem pelo grande interesse que ele tem demonstrado em relação à natureza do nosso universo", disse Mike Bode, diretor do Instituto de Pesquisa de Astrofísica da Universidade de Liverpool.

"COm pouco mais de 20 anos, May teve uma escolha muito difícil a fazer - optar pela ciência ou pela música. Ele escolheu a música, mas nunca se esqueceu da ciência", afirmou Bode.

No ano passado, May recebeu um título honorário por sua contribuição à astronomia e para o entendimento público da ciência.

Tese
Também no ano passado, May concluiu sua tese de PhD no Imperial College, em Londres, 36 anos depois de abandonar os estudos para se juntar à banda Queen.

O músico fez trabalhos de observação astronômica em Tenerife, nas Ilhas Canárias (Espanha), onde estudou a formação de "nuvens de poeira zodiacal".

A tese recebeu o nome de "Velocidades Radiais na Nuvem de Poeira Zodiacal".

Recentemente, o guitarrista publicou um livro de astronomia em parceria com o astrônomo e apresentador de um programa da televisão britânica Patrick Moore.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG