Tamanho do texto

O guitarrista do cantor Bon Jovi, Richard Sambora, se declarou culpado nesta terça-feira nas duas acusações de dirigir sob influência do álcool que pesam contra ele, quatro semanas após ter sido detido enquanto levava sua filha de dez anos, fruto de seu casamento com a atriz Heather Locklear, no carro.

De acordo com fontes judiciais, Sambora se declarou culpado pelas acusações que enfrentava em um tribunal de Newport Beach, 80 km a sudeste de Los Angeles, e foi condenado a três anos de liberdade condicional.

Além disso, o músico terá que assistir durante três meses a aulas sobre os riscos de dirigir bêbado, e não poderá consumir álcool nem drogas enquanto durar a condicional, segundo determinação do distrito de Orange County.

Sambora foi detido no dia 25 de março em Laguna Beach, sul de Orange County, quando dirigia de maneira errática seu jipe Hummer em uma estrada, segundo o sargento Jason Kravetz, da polícia local.

pb/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.