Guiné-Bissau celebra funeral de presidente

O funeral do presidente de Guiné-Bissau, João Bernardo Vieira, assassinado no dia 2 de março, acontece nesta terça-feira na sede da Assembleia Nacional Popular.

AFP |

O general Vieira, que permaneceu no poder durante 23 anos (de 1980 a 1999 e de 2005 a 2009), foi agredido de maneira brutal e metralhado na madrugada de 2 de março por militares, horas depois do chefe do Estado-Maior do Exército, general Batista Tagme Na Waié, ter sido morto em um atentado com bomba.

Muitos soldados compareceram ao funeral de Vieira, cujo caixão estava coberto pela bandeira nacional, assim como autoridades políticas, religiosas e judiciais.

Um forte dispositivo de segurança foi mobilizado na Assembleia Nacional e nos arredores do edifício.

Também estavam presentes no funeral o presidente de Senegal, Abdulaye Wade, o primeiro-ministro da Guiné, Kabiné Komara, e o secretário de Estado português para Relações Exteriores, João Gomes Cravinho.

O presidente interino, Raimundo Pereira, pronunciará um discurso ao fim da cerimônia.

lbx/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG