Guerrilha tâmil anuncia reestruturação e novo líder

Nova Délhi, 22 jul (EFE).- A guerrilha dos Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE) anunciou a nomeação de Selvarasa Pathmanathan como novo líder, após a aniquilação de sua cúpula em maio pelo Exército do Sri Lanka.

EFE |

Pathmanathan, até então encarregado de relações internacionais e que vive fora do Sri Lanka, protagonizou as principais reações rebeldes após os combates que significaram a derrota militar da guerrilha, em maio.

"Ninguém pode negar o fato de que sofremos perdas maciças e insubstituíveis, que não aceitaríamos nem no pior pesadelo", afirmou a guerrilha, em comunicado divulgado no site Tamilnet.

"Anunciamos - acrescentou a nota - com humildade a nosso amado povo tâmil que reformamos as estruturas administrativas de nosso movimento de libertação".

No documento, os LTTE apostam em modificar a forma e as estratégias de sua luta "de acordo com os tempos e demandas", mas sem renunciar à independência da "nação tâmil", a única com poder para "extinguir o fogo da liberdade".

A guerrilha reconhece também ter realizado um "elaborado e longo processo" de consultas entre seus membros, incluindo os que conseguiram escapar dos últimos combates e os representantes no exterior.

"Informamos a nosso amado povo tâmil e à comunidade internacional que Selvarasa Pathmanathan (...) nos liderará nos próximos passos de nossa luta pela liberdade", afirma a nota.

A nova estrutura dos LTTE, segundo o comunicado, contará com um escritório central, com grupos de trabalho setoriais e um comitê executivo, mas a nota deixou para mais adiante os detalhes de sua composição. EFE daa/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG