Nova Délhi, 26 abr (EFE).- O grupo Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE, em inglês), cercado pelo Exército cingalês no nordeste do Sri Lanka, anunciou hoje um cessar-fogo unilateral para amenizar a situação dos civis no conflito.

"Em virtude da crise humanitária sem precedentes e em resposta aos apelos feitos pela ONU, a União Europeia e os Governos de Estados Unidos, Índia e outros (países), os LTTE anunciam um cessar-fogo unilateral. Todas as operações ofensivas serão suspensas imediatamente", declarou a guerrilha num comunicado. EFE da/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.