Guerra de cartéis deixa mais 12 mortos no México

Acertos de contas entre cartéis de narcotraficantes deixaram 12 mortos desde a noite de segunda-feira em Ciudad Juarez, considerada a mais violenta do México, na fronteira com os Estados Unidos, anunciou nesta terça-feira a polícia local.

AFP |

Os corpos de três homens foram encontrados em um terreno baldio, onde provavelmente tinham sido deixados há vários dias. Os três apresentavam mutilações diversas, e um deles estava sem a cabeça.

Um jovem de 25 anos morreu crivado de balas dentro de um bar, outros dois foram perseguidos até uma igreja diante da qual foram assassinados, e mais quatro pessoas morreram em circunstâncias semelhantes.

A polícia atribuiu os homicídios à rivalidade entre dois cartéis locais pelo controle do tráfico de droga para os Estados Unidos, o maior mercado mundial de cocaína.

Mais de 5.300 pessoas foram assassinadas pelos cartéis em 2008, sendo pelo menos 1.650 em Ciudad Juarez. Mais de 1.000 já morreram nesta cidade nos seis primeiros meses de 2009.

Mais de 8.500 militares foram enviados a Ciudad Juarez desde fevereiro.

str/yw/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG