nuvem de cinzas expelidas na erupção de um vulcão na Islândia. " / nuvem de cinzas expelidas na erupção de um vulcão na Islândia. " /

Guarulhos registra oito voos cancelados vindos da Europa nesta terça

Oito voos com destino ao Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, foram cancelados nesta terça-feira por causa da http://ultimosegundo.ig.com.br/bbc/2010/04/19/vulcao+na+islandia+lanca+nova+nuvem+de+cinzas+9463284.html target=_topnuvem de cinzas expelidas na erupção de um vulcão na Islândia.

iG São Paulo |

Segundo a Infraero, órgão que administra os aeroportos brasileiros, seis voos vindos da Europa pousaram nesta manhã em Guarulhos sem problemas.

Os voos cancelados deveriam ter partido de Paris (3), Londres (2), Frankfurt (1), Madrid (1) e Zurique (1) por quatro empresas aéreas: British Airways, Lufthansa, Air France e Swiss.

De acordo com a Infraero, os voos que chegaram ao Brasil nesta manhã vieram de Roma (1), Madri (2), Franfkurt (1), Lisboa (1) e Paris (1). Ainda há a previsão da chegada de mais um voo vindo de Lisboa na tarde desta terça-feira.

As empresas aéreas ainda não informaram quantos voos foram cancelados com destino à Europa nesta segunda-feira.

Direitos dos brasileiros

Os clientes brasileiros de companhias aéreas europeias prejudicados pelo fechamento dos aeroportos no continente têm direito de ter hospedagem e alimentação pagos pela companhia durante todo o tempo em que tiverem de esperar por um novo voo. A afirmação foi feita nesta terça-feira pela Comissão Europeia, órgão Executivo da União Europeia. 

A legislação do bloco referente ao transporte aéreo também estabelece que as companhias têm a obrigação de reembolsar integralmente o preço da passagem para aqueles que preferirem desistir da viagem mas, nesse caso, o passageiro perde o direito à alimentação e hospedagem.

Europa começa a retomar voos

Os aeroportos europeus ensaiam nesta terça-feira uma retomada dos voos , após cinco dias de paralisações por causa de uma erupção vulcânica na Islândia, mas grande parte do espaço aéreo regional continua fechada, após relatos sobre a formação de uma nova nuvem.


Piloto acena para funcionário do aeroporto de Belfast, na
Irlanda do Norte, em um dos primeiros aviões a decolar nesta terça-feira / AFP

Itália, Suíça e França reabriram seus aeroportos na manhã de terça-feira, mas muitos voos continuam cancelados, e na Itália poucos decolaram, em geral apenas para destinos domésticos. A Hungria reabriu completamente o seu espaço aéreo.

Já o espaço aéreo britânico, segundo as autoridades do setor, deve permanecer fechado pelo menos até as 19h (hora local; 16h em Brasília) para voos abaixo de 6 mil metros, depois que controladores de tráfego aéreo alertaram que uma nova nuvem de cinzas vinda da Islândia está sendo soprada na direção de importantes rotas aéreas.

A Polônia, que na segunda-feira reabrira quatro aeroportos, voltou a fechá-los na terça, além de interditar parte do seu espaço aéreo para voos em trânsito, por causa das cinzas vulcânicas.

A Irlanda disse que o reinício da erupção no vulcão islandês, juntamente com as condições climáticas adversas, obriga a uma prorrogação das restrições no seu espaço aéreo. "A densidade da cinza vulcânica sobre o espaço aéreo irlandês é tal que as restrições terão de continuar até a tarde desta terça-feira", disse nota da Autoridade Irlandesa de Aviação.

Na Grã-Bretanha, os maiores aeroportos continuaram fechados ou na melhor das hipóteses operaram com limitações, como em Edimburgo e Glasgow, na Escócia.

Lava 

expelida do 



vulcão Eyjafjallajokull nesta segunda-feira
Lava expelida do vulcão Eyjafjallajokull na segunda-feira

Mais notícias

Fotos

Vídeos

Relatos

Efeitos na economia

* Com EFE e BBC Brasil

Leia mais sobre crise aérea na Europa

    Leia tudo sobre: vulcão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG