Um guarda israelense matou nesta terça-feira o homem que conduzia um trator no centro de Jerusalém e que supostamente pretendia repetir um atentado reallizado no início de julho com um veículo similar.

Segundo o serviço de emergência israelense, o Magen David Adom, outras sete pessoas ficaram feridas neste ataque frustrado, sendo que uma delas se encontra em estado grave.

"O condutor do trator virou dois carros. Um guarda de fronteira matou o terrorista", contou o porta-voz da polícia, Micky Rosenfeld.

O chefe da polícia de Jerusalém, Aharon Franco, declarou à rádo pública que "o terrorista foi neutralizado rapidamente" e que as forças de ordem normalizaram a circulação na avenida Keren Hayessod, em pleno centro da cidade.

jk-pa/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.