GSK envia ao México 100 mil lotes de antiviral

Londres, 27 abr (EFE).- A farmacêutica britânica GlaxoSmithKline (GSK) informou hoje que enviou 100 mil lotes de seu remédio antiviral Relenza ao México, país que sofre com um foco de gripe suína que pode ter matado mais de 100 pessoas nesse país.

EFE |

A companhia declarou que estuda "urgentemente" como aumentar a produção desse medicamento e que conversará com as autoridades mexicanas "caso necessitem de mais apoio da GSK neste momento".

Além disso, a farmacêutica indicou, em comunicado divulgado em Londres, que mandou 170 mil doses de sua vacina contra a gripe ao México.

A Glaxo acrescentou que acompanhou de perto a situação em colaboração com a Organização Mundial da Saúde (OMS) e que está "preparada" para discutir com as autoridades a fabricação de "uma vacina que ajude a prevenir este novo tipo de cepa (do vírus) da gripe".

A OMS informou hoje que está estudando elevar o nível de alerta pandêmica pela gripe suína do atual nível 3 para 4 (de um total de 6). EFE pa/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG