Um grupo criminoso, que seqüestrava crianças e as estuprava para vender vídeos pedófilos, foi desmantelado em Cabul, anunciaram nesta quinta-feira fontes dos serviços de inteligência do Afeganistão.

O grupo, integrado por quatro pessoas, havia seqüestrado cinco crianças de menos de 12 anos quando elas estavam indo para suas casas, indicou um porta-voz da Direção Nacional de Segurança (NDS), Sayed Ansari, em coletiva de imprensa.

"Seqüestravam crianças, as estupravam e gravavam essas imagens para difundir na internet", afirmou.

Os quatro indivíduos foram presos em primeiro de junho e confessaram o crime, disse o porta-voz.

Os chefes de outros dois grupos que se dedicavam a seqüestros foram presos entre domingo e quinta-feira, acrescentou.

Os seqüestros com pedido de resgate se multiplicaram nos últimos meses, principalmente em Cabul e na cidade de Herat (oeste).

wm/fb

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.