crimes de guerra em Gaza - Mundo - iG" /

Grupo pede à ONU investigação de crimes de guerra em Gaza

(Embargada até as 21h01 de Brasília) Londres, 15 mar (EFE).- Um grupo de pesquisadores e juízes de crimes de guerra pediu à ONU que inicie uma investigação internacional sobre as supostas violações cometidas durante o recente conflito na Faixa de Gaza.

EFE |

O pedido está incluído em carta enviada ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e aos membros do Conselho de Segurança, assinada por 14 investigadores e magistrados relacionados à causa de crimes de guerra na Iugoslávia, Kosovo, Darfur, Ruanda, Serra Leoa, África do Sul, Timor-Leste, Líbano e Peru.

A ex-presidente irlandesa Mary Robinson e o arcebispo sul-africano Desmond Tutu também assinam a carta, que é divulgada coincidindo com o relatório que a ONU publicará sobre a investigação realizada sobre os ataques contra instalações e pessoal da ONU nesse território palestino.

A carta, divulgada pela Anistia Internacional (AI), ressalta a necessidade de uma investigação de "todas as violações graves da lei humanitária internacional cometidas por todas as partes envolvidas no conflito" e considera que a investigação da ONU "não deveria se limitar aos ataques contra suas instalações".

Os signatários da carta se declaram "fortemente impressionados" com a violência do conflito e afirmam "ter visto em primeira mão a importância de investigar a verdade e obter justiça para as vítimas do conflito, a partir do convencimento de que é uma condição prévia para avançar e conseguir a paz no Oriente Médio".

A carta conclui afirmando que "o socorro e a reconstrução são uma necessidade desesperada", e que, "para conseguir que as feridas se curem, temos também que estabelecer a verdade sobre os crimes cometidos contra os civis em ambos os lados". EFE fpb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG