Grupo palestino nega participação em lançamento de foguetes do Líbano

Damasco, 14 jan (EFE).- O secretário-geral da Frente Unida das Facções Palestinas, Khaled Abea Al-Majed, negou hoje em Damasco a participação dos grupos palestinos no Líbano no lançamento de foguetes contra território israelense.

EFE |

Abea atribuiu o lançamento de foguetes realizado hoje do Líbano contra o território israelense a iniciativas particulares, e assegurou que o único apoio que envia aos palestinos de Gaza é o "apoio moral".

O secretário-geral pediu à comunidade internacional sanções contra Israel, e considerou que estas medidas seriam a única forma de pôr fim definitivamente aos ataques de Israel contra Gaza, que até o momento deixaram 980 mortos e mais de 4.500 feridos.

Abea admitiu que entre os grupos políticos que integram a Frente há disparidade de critérios, mas afirmou que todos têm a mesma postura em sua reivindicação sobre um futuro Estado palestino.

O secretário-geral disse ainda que as diferentes facções palestinas têm ótimas relações com o Hisbolá, que definiu como um partido legal que faz parte do Parlamento libanês.

A Frente Unida das Facções Palestinas reúne 13 organizações de tendências nacionalistas, de esquerda laica e islamitas, como é o caso do Hamas. EFE cla/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG