Grupo palestino acusa ANP e Egito de tentarem impor suas condições

Damasco, 26 jan (EFE).- A Frente Popular para a Libertação da Palestina Comando Geral (FPLP-CG) acusou hoje a Autoridade Nacional Palestina (ANP) de Mahmoud Abbas e o regime Egípcio de tentarem impor suas condições nas negociações com Israel.

EFE |

"O que estamos vendo no Cairo são as condições americanas, egípcias e palestinas (ANP) para retorcer o braço da resistência (Hamas) após a agressão (israelense) fracassar em sua tentativa", disse o líder da FPLP-CG, Ahmed Jibril, desde Damasco em declarações transmitidas pela emissora "Al Jazira".

Vários grupos palestinos viajaram para a capital egípcia para tentarem começar um diálogo de reconciliação nacional, enquanto outros, próximos ao Hamas, se reuniram hoje em Damasco para encontrarem uma postura comum.

Entre estes grupos está o Hamas, que com a mediação do Egito procura encontrar um acordo para uma trégua com Israel, após o cessar-fogo declarado por Israel e Egito depois de mais de 20 dias de agressões israelenses. EFE nq/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG