Grupo é preso no aeroporto do Peru com 40 kg de cocaína

Lima, 24 abr (EFE).- Um grupo de dez pessoas, entre elas um brasileiro, foi preso esta semana em Lima enquanto tentava levar 40 quilos de cocaína à Espanha, informou hoje a Polícia antidrogas peruana no aeroporto internacional Jorge Chávez.

EFE |

O brasileiro José Augusto Figueroa, de 38 anos, levava um quilo da droga oculta em um doce típico.

Entre os presos também estão três britânicos que levavam a droga junto ao corpo - Michael Harold, 58 anos, levava 2,9 quilos de cocaína; Emma Sidigamur, 25 anos, 2,8 quilos e Raymond Kidit, 47 anos, 3,6 quilos.

Também foram capturados dois estonianos, Aare Kallas de 53 anos, que levava 1,8 quilos de cocaína em envelopes de alimentos em pó, e Tamm Valma de 22 anos, que tinha quatro quilos da droga oculta da mesma forma.

Além disso, o grego Dimitrius Liguinos de 25 anos, carregava três quilos do entorpecente em sua mala, o dominicano Venancio Méndez de 50 anos, 13,2 quilos envoltos em tijolos com fundo falso na sua bagagem.

Igualmente, foram detidos os peruanos Juan Lieve de 30 anos, com 6,5 quilos de droga em alimentos em pó e Jorge Tolentino de 28 anos, que engoliu cápsulas com 1,5 quilos de cocaína.

A produção de cocaína no Peru cresceu de 230 para 302 toneladas anuais, entre 2003 e 2009, o que transforma o país no segundo produtor mundial, depois da Colômbia.

A droga vale US$ 1 mil ao quilo nos laboratórios ilegais de produção no Peru, mas essa quantidade sobe para US$ 25 mil nos Estados Unidos e US$ 54 mil na Europa, segundo números das Nações Unidas citadas hoje pela imprensa local. EFE tg/pb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG