Os groenlandeses votaram, na terça-feira, a favor de uma autonomia ampliada, abrindo caminho para a independência dessa ilha estratégica do Ártico, passados 300 anos de domínio dinamarquês, de acordo com resultados parciais após a apuração de 50% dos votos, informou o governo local.

sa-dt/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.