Gripe suína se espalha pela Europa com três casos na Alemanha

BERLIM (Reuters) - A Alemanha confirmou seus três primeiros casos de gripe suína na quarta-feira, marcando a chegada do vírus ao coração da Europa continental. O instituto Robert Koch, uma agência federal para doenças infecciosas, informou ter encontrado a gripe suína em um homem e uma mulher com quase 40 anos na região da Bavária e em uma mulher de 22 anos em Hamburgo.

Reuters |

Autoridades disseram que as três pessoas infectadas estiveram recentemente no México.

Espanha e Grã-Bretanha já identificaram dois casos do vírus em cada país, mas nenhuma infecção foi confirmada na Europa central ou no Leste Europeu, de acordo com os últimos dados.

Autoridades disseram que o homem infectado na Bavária, o primeiro caso publicamente confirmado na Alemanha, é de Mallersdorf, perto da cidade de Regensburg. A mulher, de 37 anos, é de Kulmbach.

Fora da Bavária, autoridades investigam cinco outros casos suspeitos de gripe suína na Alemanha.

O novo vírus H1N1 foi conformado em vários países, mas até o momento somente o México, com 159 casos, e os EUA, com uma vítima fatal, confirmaram mortes por causa da doença.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG