A gripe suína fez seu quinto óbito no Canadá, informou neste sábado um funcionário da Saúde do governo de Quebec, destacando que o paciente já sofria de uma doença crônica.

"Trata-se de um homem da região de Montreal, com cerca de 40 anos", declarou o doutor Alain Poirier em entrevista coletiva.

Poirier assinalou que a vítima sofria de "outra enfermidade" que debilitou seu sistema imunológico, sem dar mais detalhes.

As autoridades canadenses reportaram na sexta-feira 540 novos casos confirmados da gripe suína A(H1N1), o que eleva a 3.515 o total de casos no país.

frb/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.