As autoridades sanitárias do Canadá anunciaram nesta segunda-feira cerca de 40 novos casos de gripe suína (A H1N1), o que eleva a 331 o número de pessoas infectadas no país, a grande maioria com sintomas leves.

Na província de Ontário, a mais povoada do Canadá, foram registrados 34 novos casos, todos brandos. Os demais casos ocorreram em diversas províncias, incluindo dois em Quebec e três em Alberta.

Alberta, que já tem 52 casos confirmados, anunciou na sexta-feira passada o primeiro óbito ligado à gripe suína no Canadá: o de uma mulher de 30 anos que já apresentava problemas médicos.

As autoridades médicas admitiram não poder precisar até que ponto o vírus A H1N1 foi responsável pela morte da mulher.

A distribuição de casos da gripe suína pelo Canadá é a seguinte: 57 na Nova Escócia; 3 na ilha Prince Edward; 2 em New Brunswick; 17 em Quebec; 110 em Ontario; 1 em Manitoba, 10 em Saskatchewan, 52 em Alberta e 79 na Columbia Britânica.

ps/LR/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.