Gripe mata 2 na Austrália e 1 na Tailândia

Manila, 29 jun (EFE).- A gripe suína matou mais duas pessoas na Austrália e a outra na Tailândia, enquanto os casos de pessoas contaminadas aumentaram em Brunei, Filipinas, Indonésia, Malásia, Nova Zelândia e Cingapura durante o fim de semana.

EFE |

As autoridades sanitárias australianas confirmaram hoje a morte de dois homens, um de 85 anos e outro de 50, no estado de Victoria, no sudeste do país, o que eleva para sete o número total de mortes pela doença nesta nação.

A doutora Rosemary Lester, do Departamento de Saúde de Victoria, indicou que os dois foram mais vulneráveis ao vírus A (H1N1) que outros pacientes: a pessoa de 50 anos porque sofria de câncer e o australiano de 85 anos porque estava com uma variedade de doenças próprias da idade.

Um cadete da Marinha da Tailândia morreu hoje por causa da gripe e se transformou na terceira vítima fatal nesse país asiático, após uma mulher de 40 anos (20 de junho) e um homem de 42 (26 de junho).

Os países que sofreram novos casos no fim de semana são Brunei, com mais dois (total 20); Filipinas, com mais 7 (861); Indonésia, com mais 6 (8); Malásia, com mais 20 (144); Nova Zelândia, com mais 64 (587); Cingapura, com mais 145 (599), e Tailândia, com mais 41 (1.330).

As únicas nações com vítimas fatais são Austrália (7), Filipinas (1) e Tailândia (3).

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE zm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG