Grifes famosas e desconhecidas apresentam apostas para inverno em Paris

Paris, 9 mar (EFE).- Manish Arora, Stella McCartney, Léonard, Guy Laroche, Thierry Mugler, a lista de grifes famosas - e outras nem tanto - que apresentaram hoje suas apostas para o Outono-Inverno 2009-2010 na semana de moda de Paris foi imensa e oscilou entre o máximo otimismo e a moderação em tempos de crise.

EFE |

Ignorando qualquer pensamento negativo, o estilista indiano Manish Arora foi aclamado após um desfile repleto de cor, bordados luxuosos e maquiagens e penteados surpreendentes.

As modelos, com o cabelo preso, usaram pouco preto e bastante laranja, verde, azul, amarelo, vermelho e rosa.

O estilista apostou em ombros e quadris ressaltados, vestidos-joia, leggings com estampas e combinadas com jaquetas estampadas com pássaros voando pelo tronco humano e relevos às vezes impossíveis de distinguir: flores de pétalas agitadas, carapaças, cabeças de animais ou asas de borboleta.

Já Léonard tentou aliar preços acessíveis ao luxo de formas e materiais, sem deixar de lado a estética e o conforto.

O preto teve lugar de destaque em suas criações, mas sempre combinado com estampas floridas, de pele de leopardo ou com formas assimétricas em tons vibrantes.

O estilista criou jaquetas combinadas com botas de cano alto e vestidos de noite longos ou curtos para o dia.

Stella McCartney, por sua vez, voltou a dedicar sua coleção à mulher romântica, meiga e ousada.

Muitas transparências estiveram presentes em suas criações, e ela ainda terminou o desfile lançando uma campanha internacional contra o uso de peles no mundo da moda.

Na coleção criada para Guy Laroche, Marcel Marongiu não escondeu seu desejo de trabalhar para uma mulher "forte" que sabe o que quer, e, para isso, se veste com elegância e sensualidade.

Ele se inspirou no construtivismo russo, e, com isso, formas elementares como o círculo, o quadrado, o retângulo ou o triângulo estiveram presentes em cada um de seus modelos.

Já Rosemary Rodríguez buscou exatamente o oposto em sua coleção para o Outono-Inverno da grife Thierry Mugler.

A estilista retomou temas clássicos da marca, como o xale grande que se transforma em um elegante vestido preto de noite ou de noiva, em tom marfim; ou o vestido preto com camada fúcsia de inspiração nas touradas.

Tudo para uma mulher "misteriosa" e sensual, que usa leggings de vinil preto com corte aerodinâmico -levemente futuristas- sobre casaco, assim como seus vestidos de veludo plissado em tons verde ou azul muito escuro -quase pretos. EFE lg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG