Grécia vive nova onda de protestos violentos

A capital da Grécia, Atenas, viveu novos protestos violentos na noite deste sábado, uma semana depois do assassinato do menino Alexandros Grigoropoulos, de 15 anos, por um policial. O crime provocou uma onda de protestos em várias cidades do país nos dias que se seguiram, que deixou pelo menos 70 feridos e mais de 200 presos.

BBC Brasil |

Neste sábado, manifestantes lançaram pedras e bombas de petróleo contra um prédio governamental, uma delegacia, lojas e bancos. A polícia respondeu com bombas de gás lacrimogênio.

A violência, que também atingiu a cidade de Salônica, a segunda maior do país, começou depois que centenas de jovens - muitos da mesma escola onde o adolescente estudava - realizaram manifestações pacíficas contra o crime.

    Leia tudo sobre: grécia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG