CAIRO - Osama bin Laden, líder da rede extremista Al-Qaeda, teria divulgado uma nova gravação pedindo uma guerra santa para interromper a ofensiva de Israel em Gaza.

A declaração está em uma nova gravação de áudio de 22 minutos liberada em um site que transmite mensagens de militantes islâmicos. A autenticidade do material, no entanto, não foi confirmada por fontes independentes.

A última mensagem divulgada por Bin Laden foi em maio de 2008, durante as festividades do aniversário de 60 anos do Estado de Israel. Naquela ocasião, o líder da Al-Qaeda pedia a libertação do povo palestino.

Os ataques israelenses foram iniciados em 27 de dezembro, pouco depois de o Hamas anunciar que não iria renovar um acordo de cessar-fogo que estava em vigor desde junho de 2008.


Bin Laden pede "guerra santa" para barrar ofensiva israelense em Gaza/ AP

Os israelenses afirmam que lançaram os ataques para impedir que grupos militantes palestinos continuem lançando foguetes contra seu território.

Segundo a organização americana IntelCenter, especializada em vigiar sites islamitas, esta nova mensagem faz referência também ao fim do mandato do presidente George W. Bush e ao início do de Barack Obama, além de mencionar a crise econômica mundial.

19º dia de conflitos

Leia também

Vídeos

Opinião

Leia mais sobre: Oriente Médio

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.